De que está à procura ?

Portugal

Desemprego na Madeira está a baixar

© DR

O Instituto de Emprego da Madeira (IEM) tinha 10.339 desempregados inscritos no final de julho, o que representa uma diminuição de 44,6% em comparação com o mesmo mês de 2021, divulgou esta semana o Governo Regional.

Em termos homólogos, segundo o executivo, “contam-se menos 8.307 desempregados” na região.

“O número de desempregados inscritos no IEM desce consecutivamente desde março de 2021, tendo atingido um valor que só é inferior se recuarmos até fevereiro de 2009”, lê-se na informação divulgada pela Secretaria Regional da Inclusão Social e Cidadania.

O executivo (PSD/CDS-PP) sublinha que em julho se registou uma diminuição de 565 desempregados inscritos em comparação com o mês imediatamente anterior (junho), “numa variação de –5,2%”.

Esta variação mensal, acrescenta, é “a segunda descida mais acentuada de entre todas as regiões” do país. A média nacional, é recordado na nota, foi de -1,8%.”

“No que diz respeito às colocações, a Madeira e os Açores destacam-se como sendo as únicas regiões com um crescimento homólogo das mesmas (+27,5% e +10,6%, respetivamente), enquanto todas as outras regiões registam decréscimos”, indica.

Entre outros aspetos, o governo madeirense refere que, face a junho de 2022, o desemprego masculino diminuiu 4,8% (-225 desempregados) e o feminino diminuiu 5,5% (-340 desempregados).

“No final do mês de julho contam-se 4.478 (43,3%) homens desempregados e 5.861 (56,7%) mulheres desempregadas”, menciona.

O número de inscritos há menos de um ano diminuiu -1,6% face a junho de 2022, enquanto o número de desempregados de longa duração diminuiu 7,5%.

TÓPICOS