De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Lifestyle

Sabia que o Super Crossbar Challenge é um jogo português?

“Ao todo, ganhei cinco mil dólares”, conta Pedro Cabaço, o estudante de engenharia informática por detrás da app portuguesa que teve mais de meio milhão de downloads em oito dias. O jogo foi lançado em 2017, mas apenas para o sistema operativo da Apple, o iOS. Depois de o jogo de futebol ter registado mais de 780 mil downloads, aposta na plataforma concorrente, o Android. Mas em que é que isto se traduz? Em cerca de 300 euros por mês.

“Sem jeito” para desenhar e porque queria fazer “coisas bonitas”, Pedro criou um primeiro jogo quando tinha 14 anos. Aos 21, lançou o Super Crossbar Challenge para o sistema operativo iOS. Os números com que arranca para a plataforma móvel da Google não surgiram do nada: “80% dos downloads que tivemos foi por termos aparecido na página principal do iOS”, explicou ao jornal Observador.

Na versão para Android, o jogo que em oito dias cativou a atenção de mais de 780 mil utilizadores continua o mesmo: “atirar a bola à barra”. Com gráficos em duas dimensões e bonecos ao estilo de cartoons(alguns fazem lembrar vedetas do mundo do futebol), desliza-se o dedo no ecrã para se conseguir acertar na barra, chutando a bola o mais rapidamente possível.

“Neste momento, temos 1.300 downloads, mas estamos à espera da resposta da Google para sermos destacados” na loja de aplicações do Android, conta Pedro. Este esforço para se ser escolhido pelas lojas de aplicações pode ajudar muito a aumentar os downloads, mas “também dá muito trabalho”.

“Um dos critérios para ter este destaque na loja de aplicações da Apple é o facto de o jogo ser exclusivo para iOS”, justifica Pedro Cabaço quanto ao adiamento do jogo para Android. Mas foi também esta a razão para fazer chegar o jogo português a mais pessoas. Passado um ano, a app que se baseia num modelo freemium (gratuito, mas com possibilidade de compras dentro) tem mais de cerca de 780 mil downloads.