De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Europa

E se o Reino Unido confinasse até ao verão?

O confinamento em Inglaterra parece não estar a ser suficiente para fazer baixar o número de novas infeções e o Governo já pensa em estendê-lo até ao verão.

Os investigadores do Imperial College de Londres realizaram 142 mil testes entre 6 e 15 de janeiro e verificaram que depois de uma ligeira descida nos casos, o número de novas infeções estabilizou ou até aumentou ligeiramente.

Segundo o The Guardian, a média de sete dias registada esta quarta-feira era superior a 38 mil casos diários.

Paul Elliott, professor de Epidemiologia e Saúde Pública no Imperial College, considera que os dados recolhidos pela equipa mostram um quadro mais realista do que os números reportados diariamente, porque testam pessoas com regularidade e não apenas depois de apresentarem sintomas como acontece com os dados oficiais.

Os investigadores também registaram que as taxas de infeção são mais altas entre os 18 e os 24 anos (2,51%), mas mais do que duplicou entre o grupo etário mais vulnerável (0,94%), acima dos 65 anos.

Foi no início deste mês que o governo britânico avançou com um novo confinamento total, após ter sido detetada uma nova estirpe do Sars-CoV-2, mais contagiosa. E se a esperança era de que este regime pudesse ser levantado nos próximos meses, Boris Johnson antecipou que o confinamento no Reino Unido pode durar até ao verão.

“É muito cedo para dizer ou mesmo especular quando podemos suspender as restrições”, disse Priti Patel, citada pela Bloomberg. “Este país continua nas garras de uma pandemia”, avisou.

Ao mesmo tempo, quando questionado se o lockdown poderá durar até ao verão, Boris Johnson não descartou a hipótese, alertando que a estirpe britânica é “muito mais contagiosa” e que o Reino Unido enfrenta “inquestionavelmente um momento difícil” que vai durar “algumas semanas”.

O governo britânico decidiu ainda avançar com novas multas para quem seja apanhado em festas privadas

O Reino Unido tem em curso um programa de vacinação contra a covid-19 em massa, esperando vacinar 5 milhões de pessoas.