De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Motores

Hyundai i10: longe de ser um citadino aborrecido

O design do novo Hyundai i10 convence pela positiva: espírito jovem, desportivo e aventureiro. Conta com luzes de iluminação diurna em LED embutidas na grelha preta brilhante em cascata, luzes de nevoeiro, ópticas rasgadas e jantes de 14 polegadas com 2 tons. Encontramos ainda algumas decorações possíveis para a carroçaria, um aileron traseiro com luz de terceiro stop e vidros traseiros escurecidos.

O Hyundai i10 está longe de ser um citadino aborrecido, embora adote uma postura mais “adulta” face aos outros modelos do segmento. Utiliza elementos de design menos berrantes que a concorrência, o que acaba por lhe oferecer uma atitude mais elegante, que assenta bem a qualquer pessoa e em qualquer situação.

No interior, a utilização de peças únicas minimiza a médio e longo prazo os barulhos parasitas. Nos automóveis citadinos, é recorrente a utilização de materiais de fraca qualidade que se multiplicam por vários elementos. No Hyundai i10 os materiais tem uma qualidade aceitável e foram conjugados de forma inteligente. Houve ainda espaço para colocar um  ar condicionado automático, rádio com USB, jack, Bluetooth, um volante dotado de comandos e pequenos espaços de arrumação. Também a conjugação de cores é a gosto, havendo a possibilidade de utilizar cores mais sóbrias ou mais espampanantes. O sistema de navegação e multimédia está disponível como opção.

O espaço a bordo é bom tanto nos lugares dianteiros como nos lugares traseiros e arriscamos dizer que viajamos tão à vontade como em alguns automóveis utilitários de segmento superior. A bagageira tem com 252 litros de capacidade, que podem chegar a uns impressionantes 1046 Litros através do rebatimento dos assentos traseiros. A posição de condução é agradável, apesar do volante ser regulável apenas em altura, como acontece na maioria dos concorrentes do segmento.

No que toca à condução, o Hyundai i10 é divertido, conta com uma brecagem interessante e suspensões condescendentes que oferecem conforto aos ocupantes. O comportamento é aceitável mas, não nos permite “fazer corridas”, uma vez que é um automóvel relativamente estreito. O motor 1.0 Litros MPI proporciona bons consumos, mas a performance está longe de ser viva. A fiabilidade comprova-se por simplesmente olhar para o emblema no capô. Estamos certos que a aquisição de um Hyundai é, na maioria dos casos, uma aquisição descansada no que toca à fiabilidade mecânica mais do que comprovada.

Os consumos rondaram no nosso ensaio os 5,5 litros a cada 100km. Convenhamos que o motor 1.0 Litros poderá ser um pouco fraco para “sustentar” a estrutura mais robusta do Hyundai i10.

Na segurança contamos com sistema de ajuda ao estacionamento, sistema de monitorização da pressão dos pneus, controlo electrónico de estabilidade e sistema de gestão de estabilidade do veículo.

A grande novidade do Hyundai i10 é o motor 1.0 Litros MPI a GPL que está disponivel na versão Access e Confort. A motorização 1.2 litros MPi está disponivel nas versões Confort e Style. O modelo ensaiado é o 1.0 MPi de 3 cilindros com 66cv e 95Nm de binário.

MAIS CARROS EM CAR ZOOM