De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Colunistas

Primeiro vieram…

Sobre o Congresso do PCP (no ano do seu centenário), este fim de semana, e sobre a Festa do Avante!, sobre o 1º de Maio, sobre o 25 de Abril…

 

Não muito depois da 2ª Grande Guerra o Pastor Luterano alemão Martin Niemöller iniciou a construção dum texto que repetiu, de forma evolutiva, nos seus sermões.

Neste texto Niemöller criticava aqueles que, com o seu silêncio, anuíram ao lesto escalar da violência Nazi que precedeu a eclosão dum período que detém em si as maiores atrocidades jamais cometidas pela humanidade.

A versão deste texto vivo e adaptativo que transcrevo abaixo é a que está eternizada em pedra num memorial do holocausto em Boston.

 

Primeiro vieram pelos comunistas

E eu não disse nada

Porque eu não era comunista

 

Depois vieram pelos socialistas

E eu não disse nada

Porque eu não era socialista

 

Depois vieram pelos sindicalistas

E eu não disse nada

Porque não era sindicalista

 

Depois vieram pelos judeus

E eu não disse nada

Porque não era judeu

 

Depois vieram por mim

E não sobrava ninguém

Para dizer fosse o que fosse

 

Ao texto de Niemöller, e tendo em conta os tempos que vivemos de novo quase 100 anos depois do início daquele foi o período mais atroz da história, eu permito-me, humildemente, acrescentar uma estrofe:

Mas primeiro eles vieram pela verdade

E quando a verdade foi levada

Não havia mais nada que alguém pudesse mais dizer.

 

 

Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.