De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Lifestyle

Turismo de Portugal recorda que continuamos a ser Melhor Destino do Mundo

Portugal está preparado e aberto para voltar a receber turistas estrangeiros. Neste momento, a situação no país está a evoluir muito positivamente e a maioria do território nacional passará, no dia 1 de julho, a estar no mínimo de restrições impostas à população, afirma em comunicado o Turismo de Portugal.

Desde o início de maio, altura em que se iniciou a primeira fase de desconfinamento, o país tem vindo a registar melhorias consideráveis no que diz respeito a:

▪ Número de internamentos:  -50% (eram 968 e são agora 436);

▪ Internamentos em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI):  -70% (172 versus 67 para uma capacidade de mais de 700 camas de UCI em todo o território);

▪ Número de óbitos:  -70% (passou de uma média de 15-20 diários para cerca de um terço desse valor atualmente (3,57 se considerada a média dos últimos 7 dias);

▪ Número de casos ativos:  -50% (no início do plano de desconfinamento chegaram a ser 24.065, mas nesta altura esse número está em cerca de metade, ou seja, 12.484).

Esta evolução positiva permite ao país sair do Estado de Calamidade e passar a estar apenas em Estado de Alerta.

Graças ao controle e ao aumento de testes (Portugal é o 6º país da Europa em número de testes, tendo já feito mais de 1,1 milhão de testes, mais de 10% população) foi recentemente considerado essencial aplicar algumas regras de contingência a algumas zonas na periferia de Lisboa como o encerramento de alguns estabelecimentos comerciais às 20h00 e a proibição de ajuntamentos com mais de 10 pessoas. Contudo, hotéis, restaurantes, super e hipermercados, serviços de saúde, postos de combustível e equipamentos desportivos mantêm o horário normal de funcionamento. O mesmo se aplica a todos os museus, equipamentos culturais, etc. Igualmente não existe qualquer limitação a circulação de residentes ou turistas e todos os transportes estão em pleno funcionamento não existindo qualquer situação de encerramento ou quarentena em Lisboa.

A aplicação cirúrgica destas regras enquadra-se na atuação e procedimentos que Portugal tem assumido desde o início da crise e que permitiu controlar de forma exemplar o progresso da pandemia. Estás medidas permitem ainda que todos os equipamentos turísticos e culturais estejam abertos e a funcionar em pleno assegurando àqueles que desejam visitar a região de Lisboa e o país a segurança necessária.

As restantes regiões mais turísticas do país (Algarve, Madeira, Porto e Norte) continuam o seu caminho de continua redução de casos enquanto as outras regiões (Açores, Alentejo, Centro) estão a ser progressivamente mais procuradas por turistas nacionais e estrangeiros.

Portugal é o 3.º país mais seguro do mundo (Global Peace Index 2020) e todo o setor, desde empresas e operadores privados até aos vários agentes do setor público, está preparado para que a retoma da atividade possa gerar a máxima confiança em visitantes e turistas, cumprindo todas as condições de higiene e segurança.

A criação do selo Clean & Safe foi determinante. A iniciativa, que conta já com mais de 17.000 adesões voluntárias das várias empresas e atividades do setor (e de outras que lhe estão direta ou indiretamente ligadas), consolida-se a cada dia através da sua plataforma digital – portugalcleanandsafe.com. Disponível em dois idiomas (português e inglês) reúne a informação sobre todos os estabelecimentos aderentes, permitindo que os próprios turistas classifiquem os empreendimentos no que diz respeito ao cumprimento das condições sanitárias. Foi também assegurada a formação necessária às empresas para a implementação das medidas associadas que é necessário garantir, sendo já mais de 20.000 as pessoas formadas.

A importância deste projeto para retoma da atividade turística nacional, granjeou a Portugal o convite da OMT (Organização Mundial do Turismo) para apresentar, na assembleia mundial da organização, as boas práticas do setor nesta fase e contribuiu decisivamente para que o próprio destino Portugal fosse o primeiro na Europa a ser distinguido com o selo de “TravelSafe” por parte do WTTC (World Travel & TourismCouncil).Também o facto de Portugal ter sido o país escolhido para a realização da fase final da Liga dos Campeões é já uma enorme demonstração da confiança internacional no destino.

A reabertura das linhas aéreas entre Portugal e diversos destinos europeus está a ser feita de forma gradual. A curto prazo, prevê-se uma recuperação de 45% das rotas aéreas em julho e de cerca de 60% em agosto, sendo que todos os equipamentos, atividades e empresas do setor estão abertos e preparados para receber visitantes e turistas, nacionais e estrangeiros.

Portugal, o Melhor Destino do Mundo, continua autêntico, diversificado, atrativo, inclusivo e seguro. Mantém o propósito e o compromisso de receber bem, respeitar as diferenças e hoje, mais do que nunca, garantir a todos que podem viajar pelo país, seguros e com confiança.

Toda a informação útil sobre o destino pode ser encontrada em VisitPortugal.com, uma plataforma em permanente atualização com dicas e sugestões sobre viagens e turismo em Portugal.

Sobre o Turismo de Portugal

Integrado no Ministério da Economia e da Transição Digital, o Turismo de Portugal é a Autoridade Turística Nacional responsável pela promoção, valorização e sustentabilidade da atividade turística. Agrega numa única entidade todas as competências institucionais relativas à dinamização do turismo, desde a oferta à procura. Com uma relação privilegiada com as outras entidades públicas e os agentes económicos, no país e no estrangeiro, o Turismo de Portugal está empenhado em cumprir o desígnio de reforçar o turismo como um dos pilares do crescimento da economia portuguesa.