De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Europa

Oito mil manifestantes em Bruxelas e 20 presos

A polícia usou meios pouco habituais, tais como o canhão de água, para conter um grupo de manifestantes durante a tarde de domingo em Bruxelas.

Os manifestantes contestavam as medidas de saúde tomadas para conter a propagação do coronavírus.

Oito mil pessoas participaram na manifestação, segundo a polícia, que diz ter sido alvejada por um grupo que atirou latas, fogos de artifício e fogos de artifício contra eles. Os agentes responderam com canhões de água e gás lacrimogéneo.

Enquanto a manifestação estava em curso, a polícia forçou um desvio, a fim de controlar melhor as derrapagens violentas.

Por volta das 17h30, as ruas da capital belga voltaram a ficar tranquilas. A polícia revelou que 20 pessoas foram presas administrativamente.

Esta manifestação contou com muito menos participantes do que há duas semanas, quando as forças de segurança foram surpreendidas com a mobilização contra as restrições de saúde que reuniu então 35.000 pessoas na capital belga e deu origem a várias situações de motins.