De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Publireportagens

OGBL celebra 1° de Maio em Esch/Alzette

Este ano, o 1° de Maio da OGBL terá novamente lugar presencialmente, mas desta feita em Esch-sur-Alzette, no Luxemburgo, e no pleno respeito do distanciamento social e com o uso obrigatório de máscara.

Apesar de infelizmente, devido às medidas para erradicar a Covid-19, ainda não ser possível levar a cabo a tradicional Festa do Trabalho e da Cultura da OGBL no centro cultural neimënster no Grund, a central sindical fez todos os possíveis para poder celebrar de novo em conjunto com os seus sócios e simpatizantes o 1° de Maio-Dia do Trabalhador, deslocando a celebração para a sua cidade ‘berço’, Esch/Alzette, e em vez de uma festa será organizado um desfile.

O Desfile de 1° de Maio da OGBL tem concentração marcada neste sábado, às 10 horas, na Place de la Résistance (Brill), em Esch. O desfile parte rue de l’Alzette abaixo rumo à Place de l’Hôtel de Ville (largo da Comuna), onde a presidente da OGBL pronunciará o seu tradicional discurso. Antes disso também o novo presidente da Secção de Esch da OGBL dirigirá algumas palavras de boas-vindas aos participantes.

O discurso do 1° de Maio da presidente nacional da OGBL, Nora Back, abordará os atuais desafios e as formas como a central sindical defende a retoma económica pós-crise de Covid-19. O discurso incidirá em prioridade sobre os seguintes tópicos e reivindicações:

– Reforçar o poder de compra dos trabalhadores!

– Garantir os empregos!

– Assegurar o direito a uma habitação decente e acessível!

– Exigir mais justiça fiscal!

– Defender a segurança social!

– Pugnar por um verdadeiro diálogo social a nível nacional e nas empresas!

– Lutar pela paz, a democracia e um melhor futuro!

A OGBL faz questão de celebrar presencialmente este 1° de Maio – Dia do Trabalhador com os seus sócios e simpatizantes porque este é um ano profundamente afetado pela pandemia e pela crise económica que derivou da crise sanitária, o que tem levado à aceleração da erosão dos direitos no mundo laboral, além de vagas de despedimentos, dumping e desmantelamento sociais, transversais a todos os setores de atividade. Uma tendência que já se vinha a fazer sentir antes de 2020 mas que por causa da pandemia se viu agravada.

Neste 1° de Maio, como o tem feito desde março de 2020, durante toda a duração da pandemia, a OGBL ergue-se como baluarte dos ataques feitos ao acervo social de todas as trabalhadoras e de todos os trabalhadores.

Nora Back gravou em vídeo um apelo para que todos os nossos sócios e simpatizantes se juntem a nós no 1° de Maio para marcar com força este dia : On vous donne rendez-vous le 1er mai 2021 à Esch-sur-Alzette ! – YouTube . Juntos somos mais fortes!

O enquadramento musical da celebração do 1° de Maio da OGBL será assegurado pelo músico luxemburguês André Mergenthaler.

 

 => A OGBL informa e explica. A OGBL é a n°1 na defesa dos direitos e dos interesses dos trabalhadores e dos reformados portugueses e lusófonos. Para qualquer questão, contacte o nosso Serviço Informação, Aconselhamento e Assistência (SICA), através do tel. 26 54 37 77 (8h-12h, 13h-17h). Até nova ordem e enquanto vigorarem as restrições relativas à pandemia da covid-19, pedimos aos nossos membros para passarem nas nossas agências apenas quando têm marcação (rendez-vous). Para mais informações: www.ogbl.lu. Para se tornar membro: hello.ogbl.lu.

 

Facebook Comments Box