De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Comunidades

James dos Reis: o ex-emigrante que brilha na música em Portugal

“E quê?” é o novo single de James dos Reis, produzido pelo músico e produtor seis., que sucede a “Whatever” e “Toma”. O terceiro de vários temas a editar sob a chancela da Real Caviar já está disponível em todas as plataformas de streaming.

Se em “Whatever”, James dos Reis mostrava a sua interpretação mais densa e introspectiva do R&B, na canção e no video de “E quê?” canta e ginga fora da caixa, numa toada afro-pop contagiante, rodeado de pessoas, arquétipos da sua e das nossas vidas, celebrando a liberdade de fazer o que quiser. “Enquanto negro, vindo de um bairro, sinto-me constantemente a ser questionado pela sociedade, cheia de porquês.

Em “E quê?” falo de evolução, ou seja , transmito a minha visão, tento desmistificar ideologias, comportamentos e preconceitos, o que é certo ou errado nos dias de hoje. Sinto que estamos a atravessar um momento em que em que cada vez mais questionamos ideologias que estavam adormecidas ou eram muito pouco de discutidas. É cada vez mais acentuada esta realidade, a par do confronto entre gerações. Quis pegar em tudo isso e demonstrar que na vida podemos ser o que nós quisermos, só precisamos de coragem”.

James dos Reis acredita que o caminho para o futuro é a energia humana porque nada é mais inspirador e mobilizador. Enquanto artista encara o futuro como um estímulo permanente à inovação e exploração dos seus próprios limites. O seu maior objetivo é tocar as pessoas e fazê-las sentir algo, através da melodia ou das histórias que canta.

Autor e intérprete, James dos Reis seduz-nos com uma sonoridade fresca, numa fusão irresistível entre a pop e o balanço dos ritmos africanos que evocam as suas raízes e influências musicais, que além do afro-pop, têm a marca da soul e do r&b, muito ligadas ao seu percurso em Londres.

Apesar da ligação à música ser omnipresente na sua vida, foi apenas aos 17 anos que James dos Reis começou a mostrar a sua voz aos que o rodeavam. Em busca de novas experiências pessoais, em 2016 muda-se para Londres, onde acaba por encontrar mais uma vocação, a de modelo. Mantendo a representação internacional na área da moda, James dos Reis volta a Portugal quatro anos depois, para abraçar o que mais o inspira na vida: a música.