De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Lifestyle

Instituto Camões tem vários projetos em Timor-Leste

O presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua disse que há “um interesse cada vez maior” de Timor-Leste na cooperação com Portugal, que se traduz num maior envolvimento financeiro do país nos projetos.

“Saio com muitos projetos em carteira, designadamente na área da educação, mas também com a sensação de que há um interesse cada vez maior por parte de Timor-Leste no desenvolvimento da parceria de cooperação com Portugal”, disse Luís Faro Ramos.

O responsável do instituto Camões, que esteve recentemente em Timor-Leste para assinar projetos de cooperação, fez, em declarações à agência Lusa, um balanço “muito positivo” da deslocação.

A visita teve como “ponto alto”, segundo Faro Ramos, a assinatura de um protocolo para um novo programa de formação contínua em língua portuguesa de professores do ensino não superior, com um custo de 16,28 milhões de euros até 2022 e que envolverá 86 formadores, 33 portugueses e 53 timorenses, alcançando 4.300 professores timorenses por ano.

Portugal financia este projeto em 3,3 milhões de euros, ficando o restante valor a cargo de Timor-Leste.

O instituto Camões tem ainda em Timor-Leste o projeto “Consultório da Língua para Jornalistas”, cujos diplomas da primeira fase foram entregues durante a presença de Luís Faro Ramos no país, devendo em breve arrancar uma segunda fase.

“É de sublinhar o envolvimento superior das autoridades de Timor-Leste, designadamente na questão dos recursos financeiros. Tanto no Pró-Português como no ‘Consultório da Língua’ há uma intenção por parte das autoridades timorenses de se envolverem de modo mais substancial na parte dos recursos financeiros”, apontou.

Por isso, acredita Luís Faro Ramos, “todos os projetos estruturantes” na área da educação em Timor-Leste “vão continuar em moldes mais ambiciosos qualitativamente e quantitativamente”.

Portugal desenvolve também, através do Ministério da Defesa português, o programa “Em Marcha”, de manuais de português para militares, e com o financiamento do Ministério do Trabalho e Solidariedade, foi entregue um pavilhão, na região de Same, para um projeto social de freiras dominicanas.

Na área da agricultura, o Ministério da Agricultura de Portugal desenvolve o projeto “Quinta Portugal”

“Mais do que projetos novos é um reforço daqueles projetos que temos vindo a executar com uma abordagem que envolve de um modo mais significativo as autoridades de Timor Leste”, sublinhou Faro Ramos.

Portugal e Timor-Leste assinam, em junho, em Lisboa, o Programa Estratégico de Cooperação (PEC) 2018-2022, que terá um envelope financeiro de 70 milhões de euros e como prioridade projetos na área da educação.