De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Lifestyle

Crónicas de colunista do BOM DIA agora disponíveis em livro

“As crónicas reunidas neste livro, são, não mais, que parte desse trabalho lento de cerzir sociedade, de trabalhar ideias e ideais e de as levar para o campo da cidadania, saindo da universidade e indo ao encontro dos espaços onde se faz formação – neste caso, as páginas da nossa imprensa”, explica Paulo Mendes Pinto.

“Pontifex – Breve tratado sobre a arte de (tentar) fazer pontes” é o título da obra que o autor resume como “reflexão livre, mas comprometida com a investigação, e sempre num quadro de respeito, é possível almejar a uma sociedade livre de preconceitos e respeitadora da diferença”.

Paulo Mendes Pinto é diretor da Licenciatura e do Mestrado em Ciência das Religiões na Universidade Lusófona, onde também dirige o Instituto Al-Muhaidib de Estudos Islâmicos. É ainda Mestre em História e Cultura Pré-Clássica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, desenvolve investigação sobre História das Religiões Antigas (mitologia e literaturas comparadas), Historiografia e Teoria da História e Diálogo entre as Religiões, Convívio e Cidadania. Dedica parte dos seus trabalhos a questões sobre a relação entre o Estado e as religiões.

Mendes Pinto dirige as entrevistas «Conversas em Religião», onde regularmente se entrevistam importantes personalidades religiosas.
Foi responsável por diversos projetos na área da Ciência das Religiões. É membro do Conselho Consultivo da Associação de Professores de História e investigador da Cátedra de Estudos Sefarditas «Alberto Benveniste» da Universidade de Lisboa, onde é responsável pela revista científica Cadernos de Estudos.

Paulo Mendes Pinto é colunista regular do BOM DIA e do jornal Público, é autor ou coordenador de cerca de três dezenas de livros no campo de mais de uma centena de artigos e revistas especializadas.

Pode adquirir o livro “Pontifex – Breve tratado sobre a arte de (tentar) fazer pontes” aqui.