De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Comunidades

Alemanha: encontro informal de empresários portugueses é para repetir

José Luís Carneiro esteve em Estugarda e Düsseldorf para dois diálogos com as comunidades. Na passagem por Düsseldorf, o Secretário de Estado das Comunidades participou num almoço com empresários portugueses da Renânia do Norte Vestefália.

O evento, organizado pelo cônsul-geral de Düsseldorf, José Manuel Carneiro Mendes, que contou também com a presença do embaixador na Alemanha, João Mira Gomes, tem por objetivo constituir “uma estrutura informal de vários setores de atividade” para estabelecer uma rede de forças vivas da comunidade. “Aqueles a que chamamos empresários da diáspora podem constituir uma rede mais vasta”, defendeu o diplomata.

Trata-se de uma ideia do embaixador Mira Gomes que, no encontro da diáspora em Penafiel, propôs encontros entre empresários para assegurar uma certa continuidade”, disse José Luís Carneiro. O governante insistiu que este tipo de iniciativas informais são “para repetir” num formato que vai ser definido “com estas experiências”.

O almoço em Düsseldorf reuniu empresários de vários setores económicos, do setor alimentar às novas tecnologias, passando pelo turismo e realização de eventos.

Os empresários presentes tiveram a oportunidade de darem a conhecer os seus projetos, e “fazerem uma apresentação direta e pessoal juntos dos seus pares e entidades governamentais”, comentou ao BOM DIA Miguel Kramer, advogado, responsável por uma “german desk” e presidente do centro de gestão estratégico da Câmara de Comércio Paraguai-Portugal.

Miguel Kramer, advogado

Miguel Kramer, um luso-alemão, considerou este evento da diáspora “uma revelação surpreendente na realidade dos portugueses espalhados pelo mundo quanto ao seu empreendedorismo como quanto à sua forma de organização e entreajuda”.

Durante o almoço, José Luís Carneiro quis destacar algumas das iniciativas tomadas pelo atual executivo, tendo destacado as medidas destinadas a fomentar o “regresso dos emigrantes com a redução de 50% no IRS nos primeiros dois anos depois da instalação em Portugal” e lembrou ainda que existe uma quota de 3.500 vagas nas universidades portuguesas “para filhos de lusodescendentes que, infelizmente não tem sido preenchida”.

Carneiro destacou o risco demográfico em que se encontra Portugal que poderá perder população de forma substancial nos próximos decénios, defendendo que o regresso das comunidades poderá ser uma das respostas.

Este encontro fez parte da agenda do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas que participou em dois diálogos com as comunidades, em Estugarda e Düsseldorf acompanhado do presidente do Instituto Camões, Luís Faro Ramos do Diretor-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades, Júlio Vilela.

Em Estugarda, José Luís Carneiro participou no colóquio “O Ensino do Português na Alemanha no Ensino Básico e Secundário Que Futuro“ no Institut für Auslandsbeziehungen, tendo reunido depois com a Missão Católica Portuguesa de Estugarda e participado num jantar com empresários portugueses da área consular de Estugarda.

Esta visita de José Luís Carneiro à Alemanha terminou com uma reunião com o movimento associativo e “Diálogos com as Comunidades”, no Consulado Geral de Portugal em Düsseldorf.

Esta segunda-feira, o governante está no Luxemburgo para se avistar com as autoridades luxemburguesas e para mais uma edição dos diálogos com as comunidades.

Veja aqui alguns dos momentos do almoço de empresários em Düsseldorf: