De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Colunistas

A inspiração crava-se no papel

Tanta poesia vivida, sofrida, tanta emoção,

Tanta expressividade, afinidade e esplendor

Que me sai da pena e me rasga o coração

Cheio de alegria, esperança, e fervor.

 

Tanta ternura, candura e afagos e gorjeios

Me incitam esta inspiração a vasculhar

Quantos mil beijos andam por aí a voar

E ninguém correndo atrás deles vai….

 

Tanta poesia, linda como a lua a cintilar

Eu persisto e sinto dentro de mim,

Tanta emoção, adorável e maviosa é a poesia

Saindo de mim, de ti pura e sempre a sonhar

 

Tanta poesia, tanta emoção quando te deitas

Em meu colo e acaricio tua face fina

E beijo teus lábios de forma angelina

Então tu acordas, te levantas, e espreitas.

 

José Valgode

 

Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.