De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Colunistas

A erguer-me

Agora que o meu mundo acabou
Vou pedra sobre pedra a construir-me
Encontro a vaga essência do que sou
Escondo-me de mim para fugir-me

Embrenho-me na noite. Ergo-me cedo
Embalo-me nas trevas sem razão
Há algo em mim tremendo sem ser medo
E frio não é porque é Verão

Agora que o meu mundo se ergue a passo
Sucumbo em mim erguido de cansaço!

Luís Gonzaga