De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Desporto

Rony Lopes dedica vitória do Mónaco aos afetados pela tragédia

O futebolista internacional português de sub-21 Rony Lopes dedicou o triunfo do Mónaco, que bateu o Caen por 2-0 para a Liga francesa, às vítimas dos incêndios que assolaram Portugal no último fim de semana.

“Vitória com dedicatória muito especial. Meus pensamentos estão com todos os afetados pela tragédia dos incêndios. Muita força e fé. Vamos levantar-nos juntos”, escreveu Rony Lopes, na sua página oficial na rede social Facebook.

As palavras do futebolista luso surgiram acompanhadas de uma fotografia, em que o jogador do Mónaco surge com um ti-shirt branca, que usou por baixo da camisola do Mónaco, com a inscrição “V.N. Poiares e Lousã, Força”.

O Mónaco venceu por 2-0 na receção ao Caen, em encontro da 10ª jornada da Liga francesa de futebol, e mantém o segundo lugar, a três pontos do líder Paris Saint-Germain, que tem menos um jogo.

O avançado Keita Baldé abriu o marcador, aos 21 minutos, após isolar-se nas costas da defesa do Caen, a passe de Thomas Lemar, acabando o Mónaco por confirmar o triunfo aos 59, num penálti cobrado pelo colombiano, Falcão.

A falta para castigo máximo foi cometida precisamente sobre Ronny Lopes, que foi mais uma vez titular, ao contrário do seu compatriota João Moutinho, que só saiu do banco aos 82 minutos, a render o internacional belga Youri Tielemans.

As centenas de incêndios que deflagraram no domingo, o pior dia de fogos do ano, segundo as autoridades, provocaram 44 mortos e cerca de 70 feridos, mais de uma dezena dos quais graves.

Os fogos obrigaram a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas, sobretudo nas regiões Norte e Centro.

Esta é a segunda situação mais grave de incêndios com mortos em Portugal, depois de Pedrógão Grande, em junho deste ano, em que um fogo alastrou a outros municípios e provocou, segundo a contabilização oficial, 64 mortos e mais de 250 feridos. Registou-se ainda a morte de uma mulher que foi atropelada quando fugia deste fogo.