De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Europa

Portugal condena “ataque ignóbil” de Turku

Presidente da República enviou hoje “as mais sentidas condolências” ao seu homólogo finlandês pelo ataque que ocorreu no centro de Turku, sudoeste da Finlândia, e que provocou dois mortos e seis feridos.

“Foi com grande consternação que tomei conhecimento do ataque ignóbil ocorrido hoje em pleno centro da cidade de Turku. Quero, por isso, manifestar a Vossa Excelência o meu maior repúdio por tão vil ataque, que condeno da forma mais veemente”, lê-se numa mensagem enviada pelo chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, ao Presidente da Finlândia, Sauli Niinisto.

Na mensagem, divulgada na página da Presidência da República na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa transmite, em seu nome e no do povo português, “sentidas condolências, bem como toda a solidariedade” para com o povo finlandês e, de modo particular, para com a população de Turku.

O esfaqueamento de várias pessoas no centro de Turku, sudoeste da Finlândia, fez dois mortos e seis feridos, anunciou fonte da polícia à agência Associated Press.

O atacante, um homem cuja identidade e motivos não foram revelados até ao momento, foi atingido a tiro nas pernas pela polícia e detido.

Segundo a Associated Press, o homem está a receber tratamento no hospital, sob custódia policial.

A polícia anunciou que está à procura de potenciais cúmplices e reforçou a segurança no aeroporto de Helsínquia e nas gares.

A ministra do Interior, Paula Risikko, anunciou que a segurança vai ser reforçada em todo o país.

Turku, uma cidade de cerca de 200 mil habitantes, fica cerca de 170 quilómetros a oeste de Helsínquia.