De que está à procura ?

luxemburgo
Lisboa
Porto
Luxemburgo, Luxemburgo
Europa

Manifestações contra as mortes nos incêndios convocadas através do Facebook

Várias manifestações estão marcadas para este sábado de Norte a Sul do país, nas ilhas e até memso na DinamarcaBélgica, Reino Unido, FrançaAlemanha contra os incêndios e as políticas florestais, mas também de homenagem às vítimas dos fogos.

A maioria dos eventos foi convocada através das redes sociais e vão decorrer, a partir das 16:00, em pelo menos dez distritos do país: Lisboa, Porto, Aveiro, Viseu, Castelo Branco, Coimbra, Leiria, Braga, Guarda e Bragança.

A “Manifestação silenciosa: Portugal contra os incêndios” vai decorrer na Avenida dos Aliados, no Porto, e na Praça do Comércio, em Lisboa, em luta por um planeamento de defesa e proteção florestal e para que as medidas de prevenção de combate a incêndios sejam realmente executadas.

Para hoje está também prevista a iniciativa “Basta! Por um Futuro Sustentável!”, na Praça do Comércio, em Lisboa, mas também em cada Câmara Municipal, sob o lema: “de luto e em silêncio por todas vítimas, por todas as casas destruídas, por todas as árvores ardidas”.

Em Pedrógão Grande, Leiria, está agenda uma manifestação junto ao Jardim da Devesa.

Às 18:00, também em Pedrógão Grande, está marcada a “vigília de revolta ‘Já perdemos tempo de +’”, na Barraca da Boa Vista, uma iniciativa da Associação de Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande.

No distrito da Guarda, um grupo de cidadãos marcou uma “manifestação silenciosa por um futuro sustentável e vigília em homenagem às vítimas dos incêndios”.

Os dois primeiros protestos decorreram terça-feira, em Belém. No evento “Todos a Belém”, quase 1500 pessoas disseram ter estado presentes. Já a manifestação “Vão de férias – Protesto Civil e apartidário” levou mais de 1700 pessoas a confirmar presença no evento na rede social.

Na página de Facebook “Um activismo por dia” encontra-se uma lista com as manifestações marcadas para os próximos dias.